Amparo-PB, quinta-feira, 14 de dezembro de 2017 . | | | | | Facebook twitter webmail instagran youtube

Programa Saúde na Escola Cumpre Agenda na Rede Municipal de Ensino

quinta-feira, 6 de abril de 2017

A Prefeitura Municipal de Amparo através das secretarias de Educação e Saúde, deu início a mais uma ação interdisciplinar por meio do PSE - Programa Saúde na Escola. O lançamento do Programa foi feito pelo secretário de saúde Jussie Lacerda e contou ainda diversos profissionais da área da saúde e da secretaria municipal de educação representada pela secretária adjunta Edlene Rafael.

O Programa Saúde na Escola (PSE) visa à integração e articulação permanente da educação e da saúde, proporcionando melhoria da qualidade de vida da população brasileira.

O PSE tem como objetivo contribuir para a formação integral dos estudantes por meio de ações de promoção, prevenção e atenção à saúde, com vistas ao enfrentamento das vulnerabilidades que comprometem o pleno desenvolvimento de crianças e jovens da rede pública de ensino.

A Escola é a área institucional privilegiada deste encontro da educação e da saúde: espaço para a convivência social e para o estabelecimento de relações favoráveis à promoção da saúde pelo viés de uma Educação Inovadora.

Muito embora o município de Amparo ainda não conte com a Educação Integral, se faz necessário compreender que para o alcance dos objetivos e sucesso do PSE é de fundamental importância o entendimento de que esse novo modelo de educação, surge com um conceito que compreende a proteção, a atenção e o pleno desenvolvimento da comunidade escolar. Na esfera da saúde, as práticas das equipes de Saúde da Família, incluem prevenção, promoção, recuperação e manutenção da saúde dos indivíduos e coletivos humanos.

Para alcançar estes propósitos o PSE foi constituído por cinco componentes:

a) Avaliação das Condições de Saúde das crianças, adolescentes e jovens que estão na escola pública;

b) Promoção da Saúde e de atividades de Prevenção;

c) Educação Permanente e Capacitação dos Profissionais da Educação e da Saúde e de Jovens;

d) Monitoramento e Avaliação da Saúde dos Estudantes;

e) Monitoramento e Avaliação do Programa.

Mais do que uma estratégia de integração das políticas setoriais, o PSE se propõe a ser um novo desenho da política de educação e saúde já que:

(1) trata a saúde e educação  como parte de uma formação ampla para a cidadania e o usufruto pleno dos direitos humanos;

(2) permite a progressiva ampliação das ações executadas pelos sistemas de saúde e educação com vistas à atenção integral à saúde de crianças e adolescentes; e

(3) promove a articulação de saberes, a participação de estudantes, pais, comunidade escolar e sociedade em geral na construção e controle social da política pública.

A Agenda de Educação e Saúde é uma estratégia fundamental de implementação das ações compartilhadas. Ela definirá as propostas comunitárias para as escolas  inseridas, refletindo as expectativas comunitárias em relação à interface educação e saúde.

No âmbito da escola as atividades de planejamento e gestão do coletivo, formulação dos inventários detalhados e da condução de processos participativos integrados aos estudos e ao Projeto Político Pedagógico representam uma oportunidade impar para os exercícios de cidadania.